domingo, setembro 25, 2011

Primeiro mes na China

A viagem de avião para cá foi fantástica, a KLM realmente é uma boa companhia para se voar, não tivemos falta de comodidades e de comida a bordo.
Saímos de Portugal com 1hora de atraso devido ao temporal que se fazia sentir em Schipol, mas o voo até lá correu dentro do horário previsto. Apanhámos alguma turbulência pelo caminho mas nada de mais.
Chegar à China foi fácil, passar por um aeroporto caótico ainda na Holanda, fazer o meu primeiro body scan, sentir a pressão da escolha, apesar de ainda pensar levianamente nisso.
China!
Apanhámos um táxi, tivemos 30 minutos na fila para ele e apercebemo-nos que os Chineses e as filas para qualquer coisa não funcionam, eles não têm respeito pelo próximo. Ora, na China à apenas 1hora e já estava a aprender variações culturais...
O taxista claramente não falava inglês (segunda coisa aprendida: ninguém fala inglês nas ruas), as nossas malas foram na bagageira aberta, percorremos a autoestrada a toda a velocidade ignorando as sugestões dadas pelos sinais de trânsito, vias, sinais vermelhos, sentidos contrários, duplos traços contínuos. Enfim foi um momento edificante e que me faz achar que os Portugueses são uns santos no que toca à condução. Aprendi que não quero conduzir na China!
A residência é relativamente boa, sinceramente estava à espera de uma caixa de sapatos onde nos enfiassem mas o quarto até tem espaço e algumas comodidades. A casa de banho na varanda é que é algo que eu francamente dispensava...na altura que estava um calor de morte não me pareceu má ideia, mas quando começar a ficar muito frio, então vai ser complicado ir tomar banho. Ambientámo-nos ao local, mas não saímos de casa, nem para buscar comida...digamos que a primeira semana passada na china, a comida não foi algo que abundou...
Aos poucos fomos saindo, fomos ver onde era o campus onde tínhamos aulas, uns meros 40min a andar até lá (a andar rápido entenda-se), começamos a conhecer o outro campus, tiramos fotografias, tratamos da papelada de ingresso na universidade e voltamos para casa, para uma internet mais que lenta e para mais nada que fazer.
Primeira semana passou-se, vimos onde eram alguns supermercados, aventuramo-nos a comer fora, em restaurantes de fast food Chineses, dos quais apenas vale a pena mencionar o Dico’s que realmente é muito bom. Segunda semana começamos as aulas. Foi o bailarico de pessoas a entrar e a sair das aulas, mais ou menos alunos. Toda a gente experimentou outras aulas outros locais...menos nós que decidimos que aquele nível e aquela velocidade era boa para nós, excepto na parte de ouvir, onde ainda agora, passado um mês nos sentimos um pouco perdidas...
Esta semana trouxe com ela o adquirir de algumas comodidades, compramos uma chaleira, tigelas, pauzinhos, coisas para ter em casa e coisas para comer. Agora somos quase profissionais em noodles!!!
Tem sido uma experiência interessante esta de não ter as comodidades que estamos habituados, de ter que fazer o muito com o pouco.
Todos os dias me apercebo porque eu não fui feita para partilhar casa, não gosto que invadam o meu espaço, especialmente pessoas que não têm o mesmo sistema moral que eu e que fazem as coisas de maneira egoísta. Irrita-me muito, mas ainda faltam 10 meses portanto é aguentar.
Nesta semana conseguimos algo fantástico, a Margarida precisava de comprar uma pen e então fomos à loja e por milagre ou mesmo porque nos fizemos de difíceis, conseguimos regatear com a senhora e baixar o preço da pen quase para metade... é uma pequena vitória para quem está a viver neste pais e não percebe o suficiente da língua.
Também foi a semana em que adquirimos o cartão da cantina, uma das melhores coisas que fizemos até agora, podemos ir comer todos os dias lá (sim é sempre arroz) por um preço irrisório e a comida até é bastante boa.
Terceira semana e estamos quase a acabar o primeiro livro em Leitura e Compreensão. Vamos depressa, penso que aprendi tanto em 3 semanas aqui como num ano em Portugal. Espero daqui a um ano já saber Chinês suficiente para conseguir ter uma conversa fluente, nem que seja sobre o tempo.
Hoje, domingo, Setembro 25, estamos quase adaptadas ao local, já saímos de bicicleta todos os dias, vamos à cantina buscar almoço e jantar, vamos às compras quando é preciso, já fomos ao Carrefour de bike, que é longe e complicado mas fomos rápida e facilmente. Estamos a ficar prós e a adaptarmo-nos bem. Ontem foi dia de visita ao museu da Universidade de Sichuan, foi interessante a visita, o museu representava brutalmente a história da China com trajes, estatuetas e gravuras, foi uma experiência interessante e que despertou o interesse de fazer fins de semana culturais pela China. É um novo objectivo penso eu.
Quase findo este primeiro mês longe de casa, o saldo é bastante positivo. É difícil tolerar alguns comportamentos dos Chineses, especialmente a falta de respeito mutuo e a falta de higiene, mas de resto eles têm um pais lindo, uma cultura tradicional muito rica e espero que daqui a um mês já possa escrever aqui em Chinês!

4 comentários:

Firefly disse...

Se escreves em chinês depois como é que eu vou perceber???? NÂO! Eles cheiram mal não cheiram? LOLOL =P

devlin disse...

LOL eles não cheiram mal (eu nao me chego muito perto...) mas eles e a higiene dos locais não são os melhores amigos, mas isso para nós que sempre vivemos num pais obcecado com isso...se escrever em chines escrevo em PT depois vá para voces perceberem :P

GotchyaYinYang disse...

Força nisso!!! :) Boa sorte e boa estadia!

devlin disse...

Obrigada :) vou dando mais noticias por aqui... beijo beijo